terça-feira, 2 de novembro de 2010

The Cougar

Quando eu estava nos Estados Unidos, em meio às dezenas de seriados que passam lá todos os dias, um me chamou a atenção em especial: The Cougar. Basicamente era um daqueles seriados em que um bando de manés ficam fazendo macaquices e participam de gincanas para terminarem com a musa do programa, no caso, A COROA (The Cougar em inglês)E isso me fez pensar na tara que os homens têm por mulheres maduras. Quantas vezes vocês já ouviram brincadeiras de mau-gosto de adolescentes em relação às mães (enxutas) dos amigos? Isso sem falar das irmãs mais velhas...
Mas o fato é que, independentemente do sexo, experiência espelha maturidade e geralmente atrai a atenção de meninos e meninas jovens e inseguros. Maturidade essa que acaba conseqüentemente representando maior segurança na vida profissional, pessoal e amorosa.
Discutindo o assunto com um grupo de amigos, um deles me disse: "Pra mim as coroas refletem uma coisa só, S.E.X.O.. Não só pela experiência, mas muitos cientistas acreditam que a mulher chega ao seu ápice sexual depois do homem, por volta dos 30 anos, e mais do que isso, mantém o desejo sexual até uma idade mais avançada, enquanto os homens "cansam" de transar mais cedo".
Como a teoria dele foi embasada na prática, segue um relato do próprio:
Relato uma experiência:
"Estava na balada e comecei a xavecar uma mina. Conversa vai e vem (depois de muita *bilola de ambas as partes, hahaha) ela me fala que tem 35 anos. Conversei mais um pouco (tática conhecida como "recitar a bíblia") e ela não quis ficar comigo. Beleza, continuei de boa na balada (não me lembro se peguei alguém depois). Na saída, eu estava conversando com uma amiga, já na rua, e a mina dos 35 pára na minha frente com o seu carro. Me pergunta se eu não estava a fim de ir pra casa dela (já eram umas 5 da manhã). Resultado: comi ela (que, por sinal, foi bem bom) e fui direto para um jogo da faculdade."
Obs: Aqui ele omitiu o fato de que quando estava subindo pro apartamento da coroa, encontrou com o irmão dela de uns 45 anos no elevador. Cena quase nada constrangedora. haha
E para complementar nosso debate, ainda reforçou sua teoria: "Quero dizer que mulher mais velha sabe o que quer. Não quer ficar dando beijinho na balada. Não quer ir pra micareta e pegar 80 caras. Quer sexo. E essa segurança de saber o que quer, de ter coragem e certeza de que ela parando o carro na minha frente eu ia topar comê-la (ao contrário de qualquer mina mais nova, que tem insegurança até de falar "oi" pra um cara na balada) é o que atrai. Além é, claro, do fato de que elas sabem o que fazem na cama."
Apesar de tudo, eu concordo apenas em parte. Isso porque nem toda mulher/homem mais velho é experiente e seguro de suas atitudes. Pode ser alguma complexada(o) que ficou pra titia(o). E muitas "cougars" estão à procura de um romance, criam expectativas assim como as mais novas e também se iludem com alguns cafajestes. Só que a principal diferença é que uma Coroa sabe diferenciar sexo de romance, o carnal do sentimental. 
Mas uma coisa é certa. Você que gosta de uma ninfetinha e se acha o ban ban ban da mulecada, espere até tomar uma chave de buc*** de uma veterana. Se agüentar o primeiro round, já se dê por satisfeito.


Música:
Drake - I'm ready for you

2 comentários:

  1. O final foi meio sujo, mas é uma análise interessante! Parabéns, i miss u!

    ResponderExcluir
  2. Faço minhas as palavras da Raca!
    (ok, tirando o "i miss you" hahaha)

    ResponderExcluir