quarta-feira, 18 de agosto de 2010

No escurinho do cinema

Oscar; Spielberg, Almodovar, Tarantino e Hitchcock; Tom Cruise, Brad Pitt, Tom Hanks e Stallone; Pipoca e Guaraná. 

O cinema é considerado a sétima arte. Trata-se da mistura perfeita entre entretenimento, arte e efeitos sonoros e visuais. Acho que mais até do que Pizza, nunca ouvi alguém dizer: "Não gosto de cinema." 
Isso porque cinema continua sendo um programa em conta (para estudantes ainda mais), diferentemente de uma balada, show ou um jogo de libertadores e além de ser um programa para todas as idades, é universalmente conhecido como um local de azaração. Não que você vá no cinema com o intuito de ficar xavecando a tia que sentou sozinha na sua frente, mas sim no sentido de ser perfeito para um casal namorar no escurinho.


Contudo,  a conexão que quero fazer aqui é com o lado romântico dessa arte. Para muitos casais, cinema é sinônimo de pegação ou namoro e o melhor disso é que não há idade para namorar em frente à telona. Muitos namorinhos de pré-adolescentes começam nas sessões pipoca, já que os mesmos não estão autorizados a saírem para altas baladas ou mesmo namorarem em casa. Cinema é a solução.


Recentemente tenho percebido um certo preconceito dos adultos em relação ao cinema. Confesso que fui recriminado outro dia ao convidar uma garota para sair e sugerir: "Let's go to the movies?". Muitos amigos me disseram que era coisa de criança, de pré-adolescente ou que não transmitiria aquela imagem de "sou maduro". Mas eu continuo achando que acertei porque ainda não tínhamos saído nenhuma vez e nesse caso nada melhor que o escurinho e a proximidade das poltronas para facilitar um beijo roubado - sem mencionar que não é preciso ter assunto no cinema, os atores já o fazem por você.


Quanto à decisão de qual filme assistir, acredito que é crucial para o divertimento do casal. Em geral, os homens preferem filmes de ação e as mulheres, comédias românticas. Mas fica uma dica: Se a sua intenção é puramente a pegação, surpreenda as mulheres sugerindo com uma comédia romântica. Além de ganhar pontos com elas, essa categoria de filme cumpre seu papel porque é ótima por incentivar o clima romântico; não é necessário prestar atenção a todos os detalhes, já que não se perde o fio da meada ao dar uns pegas mais fortes; gera boas risadas e pouca tensão nas mulheres, favorecendo que ela se solte mais...o//


Bom...posso ser um amante à moda antiga, já que - apesar das críticas - continuo considerando o cinema um ótimo lugar pra levar paquerinhas e namoradas. Acho que nada mais romântico que uma combinação cinema - jantar - jeb*: O primeiro no escurinho, o segundo à luz-de-velas e o terceiro à meia-luz.


Música do dia:
Colgando en tus manos - Carlos Baute

2 comentários:

  1. ow mto bom esse post.. ainda mais o jogo de palavras do final - escurinho, luz de velas, meia-luz

    ResponderExcluir
  2. Muito bom, sou mulher e digo, cinema é o melhor lugar p namorar hauhaua e olha que tive um namorado que nao queria saber de beijar no cinema, conclusao... terminei o namoro! hauahaua
    agora tenho um peguete que, meu filho, sabe muito bem a logica do cinema ahauhauaah

    ResponderExcluir